Alimentação e Inverno: com o frio devemos comer mais ou menos?

👉🏽 Teoricamente o corpo necessita de mais calorias para conseguir manter a temperatura corporal.

Mas é um acréscimo não muito significativo, a não ser que os locais frequentados sejam muito frios e o agasalhos insuficientes.

👉🏽 Ou seja, não precisamos de comer mais no inverno, a não ser que o corpo passe frio.

O frio provoca resposta muscular, o que gera maior dispêndio energético

Por outro lado há a questão da redução da atividade, devido ao clima: aí deve-se compensar, reduzindo a alimentação para não ser exagerada face ao gasto.

👉🏽 Devemos privilegiar os alimentos da época, como sempre: couve, grelos, nabiças e fruta como dióspiros, laranjas, maçãs…

Para melhor aquecimento e conforto faz sentido no dia-a-dia valorizar as sopas, os caldos e os cozinhados com mais água e menos gordura.

👉🏽 O apetite acrescido não está relacionado com a falta de sol, mas sim com a menor ocupação nos espaços exteriores também e com os estados psicológicos (o tempo frio e cinzento não ajuda)