Author

Ana Bravo

Browsing

Os legumes não são só para a sopa. A prova disso é este crepe, que proponho para o vosso pequeno almoço.

Vejam o vídeo completo clicando AQUI. Mais uma deliciosa proposta do Canal Nutrição com Coração do Jornal de Notícias.

Crepe de beterraba com queijo fresco (1 pessoa)

  • 1/2 chávena de beterraba cortada em cubos
  • 1 ovo
  • 4 colheres de sopa de farinha de aveia
  • 1 pitada de noz moscada
  • q.b. água
  • 3/4 chávena espinafres cozidos
  • 1/2 queijo fresco
  • 1 colher de sobremesa de sementes de chia
  • q.b. miolo de noz

Para preparar a massa do crepe bati a beterraba com o ovo até obter uma mistura homogénea. Envolvi a farinha e a noz moscada (ajuste a consistência com água, se for necessário) e cozinhei a massa, de ambos os lados, numa frigideira antiaderente.

O recheio é simples: esmaguei o queijo fresco com um garfo e misturei-o com as sementes de chia. Distribuí o queijo por cima do crepe, polvilhei com miolo de noz picado e coloquei por cima os espinafres (que tinha cozido previamente e escorrido muito bem).

Meus amores, deixo-vos a receita do meu jantar: LASANHA DE LENTILHAS E BERINGELA

Aqui fica a receita:

Ingredientes (2 pessoas)

– 1 beringela
– 3/4 chávena lentilhas (usei verdes)
– q.b. sumo de limão
– q.b. tomilho
– 1/2 cebola
– 1 tomate
– 2 🥄 de sopa de polpa de tomate
– 3 pimentos mini (usei amarelo, vermelho e cor de laranja)
– 1 folha de louro
– 1 🥄 de sobremesa de azeite
– 1 fatia de queijo magro (ou substituto vegetal para versão vegan)
– 1 🥄 de café de curcuma
– 1 pitada de noz moscada
– 2 🥄 de sopa (rasas) farinha milho
– 200ml bebida de soja (ou leite)

Modo de Preparação

Programei o forno a 180 graus.
Comecei por cortar a beringela em fatias finas, temperei-as com sumo de limão e tomilho e grelhei-as de ambos os lados. Reservei.
Entretanto, num tacho coloquei o azeite com a cebola e os pimentos picados. Adicionei a folha de louro e o tomate picado, deixei cozinhar alguns minutos juntando a seguir as lentilhas (que lavei) e a polpa de tomate.
Cozinhou durante cerca de 15 minutos (não deve ficar com muito líquido, mas se achar necessário junte um pouco de água quente).
Num outro tacho aqueci a bebida de soja com a noz moscada, a curcuma e a farinha de milho (que dissolvi na bebida antes de a aquecer). Mexi sempre, até engrossar, desliguei e misturei o queijo ralado.
Num tabuleiro de ir ao forno dispus em camadas: beringela, lentilhas, a restante beringela e o molho de queijo.
Levei ao forno até tostar (cerca de 30 minutos).
Servi de imediato.

Meus amores, vai uma LENTILHADA de bacalhau?

Não tenho usado muito lentilhas, mas gosto muito desta leguminosa, que é nutricionalmente tão interessante. A Kiki decidiu juntá-la  ao bacalhau, com o toque do louro, da salsa e da paprika, misturou mais alguns ingredientes felizes e o resultado foi esse, também: #comidasaudavelefeliz

É claaaaaaaaaro que vos deixo a receita!

Ingredientes (2 pessoas):

– 220g bochechas de Bacalhau Riberalves
– 1 chávena café de lentilhas
– 1 cenoura
– 1/2 cebola
– 1 dente de alho
– 1 folha de louro
– 1 colher de café de paprika
– 1 colher de sopa de azeite
– q.b. salsa

Dscongelei o bacalhau.
Coloquei o azeite num tacho, em lume brando. Adicionei o alho em rodelas e a folha de louro, seguido da cebola picada. Assim que a cebola ficou translúcida juntei um pouco de paprika, a cenoura cortada em rodelas e as lentilhas. Adicionei água suficiente para as lentilhas cozinharem e, cerca de 10 minutos antes de ficarem prontas coloquei as bochechas de bacalhau.
Servi de imediato, polvilhado com salsa picada.

O que acham da ideia? Vão experimentar?

Aproveitei os saldos para renovar a roupa de cama cá de casa. Na verdade esta roupa é especial porque é feita de algodão sustentável. Fico feliz por saber que há cada vez mais consciência do quanto conta a nossa ajuda à Natureza e perceber que o El Corte Inglès aposta cada vez mais em melhorar a pegada ecológica é mais um motivo para me manter com esta cadeia há 15 anos!

Gostam do que escolhi? 

Espreitem as imensas opções através do link que vos deixo:

https://primetag.com/r/1JbyKakMY/3876495/

Boooooooooom dia, gente boa!

Depois da conversa com a Cuca acerca do prazer de comer, do quanto é necessário que a comida nos traga sensações boas e que o acto de comer não se torne um amontoado de regras ou de liberdade total… Nesse equilíbrio preparei um bolo que uso como merenda, com queijo fresco. Tem curgete, iogurte, fruta, manteiga de amêndoa, aveia e uma série de ingredientes bons. Não adicionei açúcar, claro. Sabem que gosto de açúcar com a própria fruta.

Então aqui fica a receita do BOLO MARAVILHA

Ingredientes:

 1 pera grande – podem usar outra fruta

 q.b. sumo de limão

 2 ovos

 75g stevia (ou a gosto)

 1/2 iogurte natural

 1/2 colher de chá de fermento

 100g farinha de aveia

 1 colher de sobremesa de manteiga de amêndoa

 60g puré de curgete

 q.b. canela em pó

 q.b. miolo de amêndoa

Programei o forno a 175 graus.
Pesei 60g de curgete descascada e transformei-a em puré com uma varinha mágica.
Lavei a pera que descasquei parcialmente, cortei em pedaços pequenos e envolvi em sumo de limão, para não oxidar.
Bati os ovos com a stevia, adicionei o iogurte, a manteiga de amêndoa, o puré de curgete, um pouco de canela, a farinha e, por fim, o fermento.
Transferi o preparado para uma forma forrada com papel vegetal. Distribuí os pedaços de pera por cima e polvilhei com miolo de amêndoa laminado e canela em pé.
Levei ao forno cerca de 45 minutos (ou até o palito sair limpo).
Deixar arrefecer 10 minutos antes de desenformar.