Category

Almoço e Jantar

Category

Booooooooom dia, alegria!
Eu não sou de começar o dia com receitas para refeições principais ou entradas ou petiscos, mas sonhei com o Natal e tive vontade de partilhar convosco esta nova receita que descobrimos ontem. Finalmente acertámos nos BOLINHOS DE BACALHAU saudáveis, são mesmo booooooons!

Ingredientes (10 unidades)

2 batatas

1 cenoura

300g lombo de bacalhau Riberalves

4 colheres de sopa de quinoa cozida

1/2 colher de chá de curcuma

1 colher de café de noz moscada

q.b. alho em pó

q.b. salsa picada

Preparação

Descongelei o bacalhau, retirei a pele e as espinhas e pesei 250g e cozi-o. Desfiei-o muito bem. Cozi a batata e a cenoura, em pedaços, escorri-as bem e transformei em puré. Numa taça misturei todos os ingredientes: o bacalhau, o puré de legumes, a quinoa e os temperos, amassando com as mãos. Moldei bolinhos que dispus num tabuleiro forrado com papel vegetal. Levei ao forno, a 200 graus, cerca de 15 minutos (ou até dourarem).

O bacalhau é um alimento com um sabor ímpar, basta cozinhar com alho e juntar azeite: 4 ingredientes, uma receita inesquecível!

Deixo-vos esta receita rápida, simples, saudável, colorida e deliciosa!

Antes de mais, os ingredientes:

✔ 1/2 lombo de bacalhau Riberalves

✔1 batata doce

✔1 taça de legumes cozidos

✔q.b. azeite


E agora sim, vamos para a Cozinha com Coração.

Depois de descongelar o bacalhau Riberalves cozinhei-o com a batata doce no forno, a 180°C. Tirei a pele do bacalhau e descasquei a batata. Servi-os com legumes a gosto, com um fio de azeite.

Podem escolher outro peixe da vossa preferência mas a cavala é uma opção muito interessante. Gostam?

Ingredientes (4 pessoas)

4 cavalas (150 g cada)

q.b. limão

q.b. salsa

1 malga tomate mini

1 malga couves de bruxelas

1 cebola

2 dentes de alho

1 c. sopa azeite

1 chávena trigo sarraceno

1 cenoura

1 curgete

Preparação
Comecei por temperar o peixe com sumo de limão. Lavei bem os legumes. Cortei algumas couves de bruxelas e tomates mini ao meio, a curgete em cubos e a cenoura em fatias finas. Piquei o alho e a salsa e cortei a cebola em rodelas. No fundo de um tabuleiro dispus a cebola e metade do alho. Por cima o peixe e o resto do alho. Em volta, as couves de bruxelas e os tomates mini. Levei ao forno, que já estava a 180 graus, onde cozinhou cerca de 1 hora. Entretanto, cozi trigo sarraceno e deixei arrefecer, misturando-o com a curgete e a cenoura (pode temperar com salsa, sumo de limão e um fio de azeite na hora de servir). Servi polvilhado com salsa.

Mais um jantar quentinho, de mimo e aconchego, com um prato preparado com com a arte que só quem ama tem. Não se aprende, sente-se e transmite-se. Bacalhau com puré de cenoura e grão crocante é o nome que lhe dei. O namoro começa quando olhamos para ele, num jogo de cores lindo e depois, na boca mesclam-se texturas e sabores…

Ingredientes (2 pessoas)

1 lombo de bacalhau Riberalves

2 colher de chá de azeite

1 dente de alho picado

1 cenoura grande

4 colheres de sopa de grão-de-bico cozido

1/2 colher de chá de curcuma

1/2 colher de chá de paprika

1 colher de sopa de salsa picada

2 colheres de chá de sementes de cânhamo

1 colher de sopa de flocos de milho

Preparação

Descongelei o lombo de bacalhau. Temperei-o com alho picado e grelhei-o. Envolvi o grão-de-bico com uma colher de chá de azeite, as sementes de cânhamo, a curcuma e a paprika. Dispus num tabuleiro forrado com papel vegetal e levei ao forno a 180 graus por cerca de 30 minutos (ou até cozinhar e ficar crocante). Um pouco antes do bacalhau estar no ponto, salpiquei-o com uma mistura de flocos, salsa e uma colher de chá de azeite. Cozinhou mais alguns minutos. Entretanto, cozi a cenoura e transformei-a em puré. Servi o bacalhau com o puré e o grão-de-bico.

Já há uns tempos que não preparo carne cá em casa. Naturalmente não é uma opção profissional, vem antes do respeito pela minha vontade pessoal. Desde que haja a essencial consciência alimentar e dessa forma não faltem nutrientes, considero que devemos respeitar os nossos gostos pessoais. 
Vocês sabem que não sou fundamentalista e não entro em radicalismos. Acho que cada pessoa é livre de escolher a forma como se alimenta, desde que garanta que nada lhe falta a esse nível, ou seja, desde que tenha equilíbrio nutricional no seu dia-a-dia. 
E aqui estou eu a propor para o jantar de hoje uma massa sem glúten com soja em molho de polpa de tomate Guloso com ervas aromáticas. Foi o que preparei para os amigos que vieram partilhar amor em gargalhadas, abraços e garfadas de Comida Saudável e Feliz !

Ingredientes (2 pessoas)

120g massa sem glúten (ou integral)

120g polpa de tomate

2 chávenas de soja (grossa)2 dentes de alho

1 cebola (pequena)

1 chávena de tomate cereja

1 colher de sopa de azeite

q.b. ervas secas a gosto

q.b. ervas frescas a gosto

Preparação
Coloquei a soja de molho (em água suficiente para a submergir) durante cerca de 25 minutos. Cozi a massa em água abundante, até ficar a gosto, escorri e reservei. Num tacho coloquei o azeite, o alho e a cebola picados. Deixei cozinhar em lume brando e, assim que a cebola ficou translúcida, juntei a polpa de tomate e temperei com ervas secas. Deixei cozinhar, juntando água aos poucos sempre que necessário (se desejar pode passar o molho com a varinha mágica). Entretanto, escorri a soja tendo o cuidado de retirar o excesso de água. Envolvi-a no molho de tomate e deixei cozinhar mais alguns minutos. Lavei e cortei ao meio os tomates cereja que misturei no preparado anterior mesmo antes de desligar o fogão. Servi com a massa, polvilhado com ervas frescas picadas na hora.

Tenho que confessar, hoje terminei as consultas cheeeeia de vontade de comer batatas fritas. Acontece-me algumas vezes, ouço os pacientes falarem de algum tipo de comida e fico a salivar.

Pois cheguei a casa e preparei o que queria. Não imaginam como me soube bem!

Preparei no forno, claro.

Ingredientes:

✔1 batata doce

✔1 batata

✔Q.b. malagueta

✔Q.b. alho picado

✔1 c. sopa azeite

✔1 c. sobremesa sementes girassol

✔1 c. chá sementes sésamo pretas

✔Q.b. tomilho


E mãos à obra na Cozinha com Coração:

Lavei bem as batatas, cortei-as às rodelas e dispus num tabuleiro forrado com papel vegetal, depois de as temperar com azeite, tomilho, alho picado e malagueta a gosto. Cozinharam no forno a 180° cerca de 40 minutos. Quando estava quase pronto, misturei as sementes de girassol e deixei cozinhar mais uns minutos. Polvilhei com as sementes de sésamo depois de tirar do forno.