Category

Almoço e Jantar

Category

Tenho que confessar, hoje terminei as consultas cheeeeia de vontade de comer batatas fritas. Acontece-me algumas vezes, ouço os pacientes falarem de algum tipo de comida e fico a salivar.

Pois cheguei a casa e preparei o que queria. Não imaginam como me soube bem!

Preparei no forno, claro.

Ingredientes:

✔1 batata doce

✔1 batata

✔Q.b. malagueta

✔Q.b. alho picado

✔1 c. sopa azeite

✔1 c. sobremesa sementes girassol

✔1 c. chá sementes sésamo pretas

✔Q.b. tomilho


E mãos à obra na Cozinha com Coração:

Lavei bem as batatas, cortei-as às rodelas e dispus num tabuleiro forrado com papel vegetal, depois de as temperar com azeite, tomilho, alho picado e malagueta a gosto. Cozinharam no forno a 180° cerca de 40 minutos. Quando estava quase pronto, misturei as sementes de girassol e deixei cozinhar mais uns minutos. Polvilhei com as sementes de sésamo depois de tirar do forno.

E quando dá vontade de comer batatas fritas ou batatas bravas mas queremos evitar os fritos, estas Batatas Aioli Bio & Natural preparadas no forno fazem um brilharete!

Ingredientes (4 pessoas)

500g batatas

1 colher de sopa de azeite

q.b. tomilho

1 colher de chá de paprika

1 dente de alho (grande, ou 2 pequenos)

125 ml azeite

q.b. sumo de limão

q.b. pimenta de caiena (opcional)

Preparação

Lavei bem as batatas e cozi-as inteiras, com a casca durante cerca de 15 minutos.

Programei o forno nos 190 graus.

Cortei as batatas em gomos e, utilizei uma taça para envolve-las com o azeite, o tomilho e a paprika. Dispus num tabuleiro forrado com papel vegetal e levei ao forno cerca de 20 minutos (ou até ficarem a gosto).

Entretanto, utilizei um almofariz para esmagar o alho. Comecei a adicionar o azeite gota a gota, de modo a obter logo uma consistência mais cremosa. Depois de envolver todo o azeite, temperei com sumo de limão e pimenta de caiena a gosto.

Pode guardar no frio. 

O Verão pede receitas mais frescas, de preferência simples e rápidas e sempre deliciosas. Hoje o jantar é Bowl de bacalhau Riberalves. Os ingredientes? Além do melhor bacalhau, também cuscuz, pimento e curgete, os indispensáveis cebola, alho e azeite, com o aroma do tomilho e da salsa e ainda um molho especial que podem descobrir aqui!
Bowl de bacalhau (1 pessoa)
> 3 colheres de sopa de cuscuz cozido
> 1/2 colher de sopa de pimento vermelho picado
> 1/2 colher de sopa de cebola roxa picada
> 1 dente de alho picado
> 1 colher de sobremesa de azeite
> 1/2 lombo de bacalhau Riberalves
> 1/2 curgete em rodelas
> q.b. tomilho
> q.b. salsa
> 1 colher de sopa de amendoim cru
> 1 colher de sopa de pasta de amendoim
> 1 colher de chá de azeite
> 1 colher de chá de sumo de limão
>
> Depois de descongelar o bacalhau, cozi-o em água, sem deixar ferver e lasquei-o.
> Grelhei as rodelas de curgete, de ambos os lados, temperando-as com tomilho.
> Num wok deitei uma colher de sobremesa de azeite, o alho, a cebola e o pimento. Quando estava quase no ponto envolvi os cuscuz e reservei. Usando o mesmo wok torrei ligeiramente os amendoins.
> Para preparar o molho misturei a pasta de amendoim com uma colher de chá de azeite e o sumo de limão.
> Servi, polvilhado com salsa picada na hora

Beringela, feijão verde, grão-de-bico são a base desta receita. O toque cítrico do limão, o aroma do tomilho, do açafrão, do caril ou noz moscada e da hortelã criam uma explosão de sabores. As sementes de cânhamo e o azeite dão aquele toque final de que tanto gosto. E assim tudo se mescla numa harmonia perfeita. Gostam?

Podem encontrar aqui todos os ingredientes.

 

Ingredientes (1 pessoa)
1 a 2 beringelas japonesas (dependendo do tamanho)
q.b. sumo de limão
q.b. tomilho (ou outra erva a gosto)
75 g feijão verde cozido
1 chávena de grão de bico cozido
1 colher de sopa de azeite
1 colher de chá de açafrão das índias
1 colher de café de caril em pó (ou noz moscada)
1 colher de chá de sementes de cânhamo
q.b. hortelã
Preparação
Lavei e cortei as beringelas no sentido longitudinal. Reguei com sumo de limão e reservei alguns minutos. Depois, grelhei-as e temperei com tomilho.
Num tacho, deitei o azeite, o açafrão das índias e o caril. Assim que aqueceu, sempre em lume brando, adicionei o grão-de-bico e as sementes. Mexi e deixei cozinhar breves minutos.
Servi as beringelas com o feijão (já cozido), o grão-de-bico e umas folhas de hortelã.