Tag

crianças

Browsing

Nem sempre é simples ajudar as crianças a comer legumes. Desenhar um prato com bonequinhos ou levá-los para a cozinha pode ajudar.

Hoje a Nutrição com Coração e o Bio & Natural deixa-vos uma sugestão que funciona quase sempre. Fizemos testes em escolas e as crianças comem estes queques de legumes felizes. Quando lhes perguntamos quais os ingredientes que sugerem terem sido usados para dar a coloração rosada e verde, dão mil respostas. No momento em que descobrem que a beterraba e a curgete com os espinafres são os protagonistas percebem que afinal gostavam destes hortícolas que, em muitos casos, nunca tinham experimentado.

Eis as receitas, preparadas com os melhores ingredientes biológicos Bio & Natural:

Queques verdes (8 unidades)

1 curgete pequena
1 chávena de agrião picado
2 colheres de sopa de azeite
1/2 laranja (sumo e raspa)
3/4 chávena iogurte natural (pode usar uma opção vegetal)
1+1/2 chávena farinha de arroz
1 colher de chá de fermento
q.b. stevia

Programei o forno a 180°.
Lavei a curgete (não a descasquei), cortei-a em cubos e coloquei-a num liquidificador juntamente com o agrião (lavado e picado), o azeite, o sumo e a raspa de laranja. Bati até obter um creme. Juntei o iogurte e bati mais um pouco. Transferi a massa para uma taça e envolvi a farinha e o fermento. Adocei a gosto com stevia.
Levei ao forno (em formas de silicone). Cozinharam cerca de 30 minutos (basta fazer o teste do palito).

Queques vermelhos (8 unidades)

1 beterraba
75ml bebida de amêndoa
2 colheres de sopa de óleo de coco
30g coco ralado, tostado
4 colheres de sopa de manteiga de amêndoa
60g farinha sem glúten (autolevedante)
q.b. stevia
q.b. frutos vermelhos

Programei o forno a 180°.
Cozi a beterraba, deixei arrefecer, descasquei e cortei-a em pedaços. Coloquei num liquidificador juntamente com a bebida de amêndoa, a manteiga e o óleo. Bati até obter uma massa homogénea. Transferi-a para uma taça e envolvi o coco, a farinha e adocei a gosto com stevia.
Distribuí a massa por 8 formas e coloquei um fruto vermelho em cada um dos queques. Levei ao forno, onde cozinharam cerca de 35 min (basta fazer o teste do palito).

Pode encontrar todos os ingredientes AQUI.

Já imaginou o que as crianças em todo o mundo comem durante uma semana? O fotógrafo Gregg Segal decidiu viajar pelo mundo para responder a esta pergunta de uma maneira muito criativa, tirando fotos de crianças de várias culturas cercadas pelos alimentos que consomem semanalmente. Durante três anos visitou 9 países: EUA, Índia, Malásia, Alemanha, França, Itália, Senegal, Emirados Árabes Unidos e Brasil.
O que o motivou, além da arte, foi a parte didática e de consciência alimentar: refere que se concentrou nas crianças porque os hábitos alimentares começam com elas e se não forem corrigidos em tenra idade, mais difícil será fazê-lo na idade adulta. 
Fiquei maravilhada com este trabalho e não podia deixar de partilhar convosco!
Vejam as restantes imagens AQUI e mais ainda no seu livro “Daily Bread: What Kids Eat Around the World”

Fotos retiradas de: https://educateinspirechange.org/health/25-kids-from-around-the-world-photographed-with-what-they-eat-in-one-week/

Bom dia!

Temos desenvolvido ações para ajudar adultos e crianças a gostar de hortícolas, apresentando sugestões apetecíveis, de forma a incluí-los frequentemente na sua alimentação. 


O que diz a uns muffins de espinafres ou cenoura ou até mesmo de beterraba? São deliciosos! Nas ações que a Nutrição com Coração faz em escolas, muitas são as vezes em que usamos esses muffins coloridos para mostrar às nossas crianças que afinal gostam de hortícolas que até então rejeitavam. Até passam a ser elas a dar o exemplo em casa, é lindo assistir a tal evolução. A Kiki tem muito jeito para essas ações. 


Na semana que terminou, a propósito da comemoração do Dia Mundial da Alimentação, a nossa Kiki passou por algumas escolas de Vila Real e ensinou um pouco da Nutrição com Coração com a sua ternura e profissionalismo que apaixonam todos, sobretudo os mais novos. 

Aqui ficam as receitas dos muffins de ambas as cores.

Queques vermelhos (6 unidades)

180 g beterraba em cubos

3 colheres de sopa de iogurte natural

1 colher de sopa de azeite                         

50 g farinha de aveia integral

50 g farinha de trigo

1 ovo

1 colher de chá (rasa) de fermento em pó

1 colher de sopa de açúcar mascavado

q.b. stevia

q.b. raspa de laranja

Programei o forno nos 175 graus.

Cozi a beterraba inteira, deixei arrefecer, descasquei e cortei-a em cubos pequenos. Coloquei-a num liquidificador juntamente com o açúcar, o azeite e o iogurte e bati muito bem. Adicionei o ovo e as raspas de laranja. Bati mais um pouco e envolvi, com uma colher, as farinhas e o fermento. Provei a massa e adocei a gosto com stevia.

Distribuí a massa por formas que levei ao forno cerca de 25 minutos (ou até o palito sair limpo).

*Pode usar cenoura em vez de beterraba. Pode adicionar coco ralado, ou oleaginosos picados à massa para obter diferentes versões.

Queques verdes (6 unidades)

100g espinafres em pedaços

3 colheres de sopa de iogurte natural

1 colher de sopa de azeite

50 g farinha de aveia integral

50 g farinha de trigo

1 ovo

1 colher de chá (rasa) de fermento em pó

2 colher de sopa de chocolate +70% cacau picado

3 a 4 colheres de sopa de stevia (ou a gosto…)

Programei o forno nos 175 graus.

Lavei e escorri muito bem os espinafres. Coloquei-os num liquidificador juntamente com 3 colheres de sopa de stevia, o azeite e o iogurte e bati muito bem. Adicionei o ovo . Bati mais um pouco e envolvi, com uma colher, as farinhas, o fermento e o choclate. (Prove a massa e verifique se está doce; se for necessário junte mais stevia).

Distribuí a massa por formas que levei ao forno cerca de 25 minutos (ou até o palito sair limpo).

*Pode adicionar sementes ou até alguma fruta em pedacinhos para obter diferentes versões.

É com o maior gosto e orgulho que amadrinho o projecto “Por Mais Saúde” . Tem como objectivo combater o problema da obesidade infantil e criou um livro infanto-juvenil e uma aplicação móvel. São tão divertidos e didáticos, têm mesmo que conhecer. As crianças adoram, os educadores e pais estão envolvidos no processo de aprendizagem… Espreitem, vão adorar!
Vejam o vídeo completo no Canal Nutrição com ♥️ do Jornal de Notícias AQUI.

 

 

//youtu.be/rUekuUTiEvU

Ideais para preparar com os mais pequenos e também um meio de os levar a comer legumes.

Ingredientes (2 pessoas)

4 ovos ( 2 gemas)

2+1/2 chávenas de legumes cozidos picados

4 chefes de sopa de ricota

5 colheres de sopa de leite sem lactose

1 colher café orégãos

1/2 colher café nos moscada

1 colher sopa cebola picada (opcional)

Preparação

Comecei por aquecer ar o forno nos 180 graus.

Cozi os legumes a vapor (usei ervilhas, cenoura, brócolos, couve flor e milho), deixei arrefecer.

Numa tigela bati os ovos com o queijo o leite e os temperos. Envolvi os legumes e levei ao forno num tabuleiro, o de cozeu cerca de 25 minutos.

Depois de ficar morno, cortei em formas divertidas.

Mais uma sugestão para incluir legumes numa versão deliciosa de empadão.

Ingredientes (2 pessoas)

1 batata média

250 g brócolos

1 dente de alho

250 g pescada limpa

100 g abóbora

1/3 alho francês

2 colheres sopa de pimento verde picado

q.b. tomilho bela luz

1 c. sopa azeite

Preparação
Comecei por lavar os vegetais. Num tacho coloquei o dente de alho, os brócolos e a batata em pedaços. Cobri com água fria e  levei ao lume, até a batata estar cozida. Nessa altura, escorri (reservando a água de cozedura) e transformei tudo em puré (acertando a consistência, juntando um pouco da água reservada).Num outro tacho coloquei o azeite, o pimento, o alho francês e a abóbora, que cortei em pequenos pedaços. Deixei cozinhar alguns instantes e juntei a pescada cortada em cubos. Deixei cozinhar até quase todo o líquido se evaporar, temperei com tomilho Bela-luz e deixei arrefecer um pouco. Dispus, num recipiente de ir ao forno, uma camada de puré, a pescada e, por cima, outra camada de puré. Levei ao forno, que já estava bem quente, a gratinar cerca de 10 minutos.