Tag

receita saudável

Browsing

Bom dia, meus amores! 🧡

Hoje a Cozinha com Coração foi inundada por um cheirinho bom a panquecas de batata doce… Não aguentei e antes mesmo de saborear a segunda, vim partilhar a receita convosco!

Ingredientes (6 unidades):

200ml puré de batata doce
120ml gel de linhaça
2 🥄 de chá de azeite
4 🥄 de sopa de “farinha” de coco (ou de amêndoa)
 iogurte e fruta para servir

E mãos à obra! 

Depois de cozer uma batata doce (usei de polpa laranja) grande, transformei em puré e medi 200ml.
Enquanto a batata cozeu preparei o gel de linhaça hidratando 1 colher de sopa de sementes em 180ml de água. (Deixei repousar cerca de 25 minutos). Coei o gel e medi 120ml.
Misturei o puré de batata doce com o gel de linhaça, o azeite e a farinha.
Cozinhei porções de massa numa frigideira antiaderente, de ambos os lados).
Servi com iogurte e fruta e deliciei-me!

Vão experimentar?

Bom dia, alegria! 

Querem uma receita nova, divertida e mágica?

O que tenho nas mãos são gomas saudáveis! Aqui fica a receita que preparei para o Canal Nutrição com Coração do Jornal de Notícias. Para assistirem ao vídeo completo, cliquem AQUI.

Gomas de fruta

200ml puré de manga madura

q.b. hortelã

200ml puré melancia

200ml água

q.b. manjericão

4g agar-agar


Transformei a fruta em puré, separadamente, colocando algumas ervas frescas a gosto. (Pode coar os purés.)

Levei ao lume, separadamente, adicionando 100ml de água com 2g de agar-agar dissolvido a cada um dos purés.

Deixei ferver cerca de 2 minutos, distribui por formas de silicone e deixei solidificar levando ao frigorífico. Demora cerca de 1 hora.

Ora aqui vamos nós, embalados em mais uma viagem pela Cozinha com, desta vez com uma receita de bacalhau Riberalves: adoro tartes! E esta, com a base preparada com batata doce, polvilho (tapioca) e linhaça? Acham que vão gostar?

Aposto que sim, por isso deixo-vos a receita.

Ingredientes (2 pessoas)

2 batatas doces

1 colher de sopa de polvilho doce

1 colher de sopa de linhaça triturada

250g lombo bacalhau Riberalves

2 tomates

1 colher de sopa de azeite

1 dente de alho

1 folha de louro

1/2 cebola

q.b. mozarela (opcional)

Descongelei o bacalhau, tirei a pele e as espinhas e lasquei-os.
Cozi as batatas ao vapor cortadas em pedaços. Transformei-as em puré e depois de arrefecerem ligeiramente envolvi a linhaça e o polvilho. Com esta massa forrei um recipientes de ir ao forno.
Num wok coloquei o azeite, a cebola e o alho picados e o louro. Depois de cozinhar ligeiramente em lume brando juntei os tomates cortados em meias luas e o bacalhau. Deixei cozinhar a gosto até evaporar a maioria do líquido.
Dispus o bacalhau por cima da base de batata doce (rejeitando a folha de louro), polvilhei com mozarela e levei ao forno, a 190 graus, cerca de 20 minutos, até o queijo derreter. Servi quente.

Embora as fotografias destas duas receitas de bacalhau sejam semelhantes, na verdade são muito diferentes.
O recheio de ambas pode ser usado noutras receitas e faz sentido fazer uma dose maior, de forma a preparar rapidamente outra refeição.
Por exemplo, sugiro que com o que restar do recheio da receita de tomate recheado preparem um crumble ou um empadão e que com a pasta de bacalhau Riberalves preparem uma massa fria, ou até uma salada (do género da salada russa, envolvendo os legumes nesta pasta).
O que acham? Têm outras ideias para utilizar os recheios destas receitas?

Booooooooooom diiiiiiiiiiiiia, sorrisos lindos!
E que tal um pequeno almoço com sabor a chocolate?
Prepara-se facilmente e inclui 2 produtos da linha que criei: o “mix panquecas” e a “aveia puff”. Vou encurtar os adjectivos para o descrever: é saudável e delicioso!

Vão experimentar?

Ingredientes (1 pessoa)

200 ml bebida vegetal a gosto

1 colher de sopa de sementes de chia

1 colher de sopa de mix para panquecas

1 colher de sobremesa de cacau

20 g chocolate +70% cacau (vegan, se for o caso)

4 colheres de sobremesa de aveia puff

q.b. fruta para servir


Levei ao lume a bebida vegetal com 10g de chocolate e o cacau. Assim que o chocolate derreteu, desliguei e depois de arrefecer ligeiramente misturei as sementes de chia e o mix de panquecas. Transferi para uma caneca e levei ao frigorífico até solidificar. Para servir, derreti o restante chocolate no micro-ondas que verti por cima da aveia puf que dispus sobre o pudim.

Acompanhe ainda com fruta a gosto.