Mais um prato vegetariano, completo, equilibrado e feliz!

Na verdade é mesmo vegan. Quanto à massa, podem escolher com outra forma e ainda com ou sem glúten. Se escolherem uma versão sem glúten tenham em atenção que pode ser de outro cereal que não o trigo – por exemplo de milho – e que também há muitas versões disponíveis no mercado à base de leguminosas como o grão-de-bico, as lentilhas, etc. A composição nutricional é diferente, os cereais e as leguminosas pertencem a grupos diferentes da Roda dos Alimentos. As leguminosas são fontes de hidratos de carbono e também se destaca o seu conteúdo em proteína vegetal. Todas as opções são bem-vindas, importante é variar ao longo do tempo e equilibrar cada prato.

Ingredientes (2 pessoas):
– 100g esparguete
– 2 colher de sopa de azeite
– 2 dentes de alho
– 1 folha de louro
– 1 colher de chá de orégãos
– 1 colher café de paprika
– 200g tomate cereja
– 2 chávenas grelos cozidos
– 1 chávena feijão preto cozido
– qb salsa picada

Programei o forno a 180 graus.
Num tabuleiro envolvi os tomates com a paprika, o louro, o alho, o azeite e is orégãos.
Levei ao forno cerca de 40 minutos (ou até os tomates estarem cozinhados),
Entretanto cozi e escorri os grelos e a massa.
Quando o preparado anterior ficou pronto, juntei os grelos, o feijão e a massa.
Servi bem quentinho, polvilhado com salsa picada.

São servidos?

Ana Bravo
Author

Nutricionista: amante do tipo de cozinha que procura aliar saúde aos melhores sabores; Mulher: apaixonada pela verdadeira beleza das coisas mais simples; Objectivo: ser feliz na medida do possível, gostar de mim todos os dias e ajudar quem me segue, nesse mesmo caminho.

Write A Comment